Semana do DIREITO SEM JURIDIQUÊS

Baseado em 20 avaliações
  • 05 Horas de duração
  • 9 Aulas
  • 7 Módulos
  • 1 mês de suporte
  • Certificado de conclusão
Acesso Gratuito
Acessar Dê um passo adiante em sua carreira!
"Excelente semana e professor. Gostei muito."
Welery Roel de Azevedo
mais avaliações

Por que é tão difícil estudar o Direito hoje em dia? Por que muitos entendem o nosso Direito como um apanhado sem fim de leis e mais leis, todas elas reunidas num livrão que os estudantes e advogados chamam de Vade Mecum? Qual a relação do Direito com a História e com a Filosofia?


A última pergunta é a chave para a compreensão das demais. Nosso Direito não surgiu do nada. Ele é fruto de um longo processo histórico, que inicia na Antiguidade, com os gregos e romanos, e chega até nós.


Portanto, não há como entender o Direito sem entender, primeiro, a História.


Mas a própria História se relaciona com a Filosofia. O que distingue os seres humanos é o fato de sermos seres pensantes (“animais racionais,” como dizia Aristóteles). À medida que vivemos, vamos pensando, e à medida que pensamos, vamos vivendo. Pensamos sobre o que vivemos e vivemos de acordo com o que pensamos.


Há, assim, uma ligação, indissociável entre a História e a Filosofia. E ambas impactam o Direito. Assim como o Direito é o fruto de um processo histórico, as ideias que surgem do pensamento filosófico também impactam o modo de ser do Direito.


Para entender um pouco melhor a forma como a História e a Filosofia impactam o Direito, convidamos você a participar da semana Direito 

Sem Juridiquês do Instituto Angelicum (10 a 14 de junho de 2019).


Nesta semana, você terá acesso gratuito a três aulas do Professor Carlos Xavier, mestre em Direito das Relações Sociais pela UFPR, Procurador do Estado do Paraná, Professor Universitário e responsável pelo canal Direito Sem Juridiquês no YT. Em seu canal, o Professor Xavier explica o Direito de uma maneira que combina a simplicidade com a profundidade, sempre com esta conexão com a História e a Filosofia. Separamos alguns depoimentos para você conferir.


Além disso, nesta semana especial, você terá direito a uma aula com o Professor Professor William Bottazzini Rezende, considerado um dos maiores latinistas do Brasil na atualidade, e com o Professor Juarez Lopes, o grande pioneiro da leitura dinâmica no nosso país, com dicas preciosas para alavancar seus estudos.


Depoimentos:


Melina Marinho

Olá, seja bem-vindo à semana do Direito Sem Juridiquês!
Eu sou Melina, recém formada em Direito e duas coisas me incomodam com relação a este curso no Brasil.
A primeira é que no início da faculdade, percebi que muitos temas estudados não deveriam ser restritos aos estudantes de direito, mas que a sociedade deveria conhecer minimamente, como por exemplo a constituição do nosso ordenamento jurídico, o funcionamento das nossas instituições e vários direitos dos quais somos alvo sem ao menos nos dar conta.
A segunda é com relação à superficialidade de algumas matérias, a falta de fundamentação histórica e filosófica para o Direito como é hoje, sendo ignoradas, assim, nossas reais origens.
Com base nesses incômodos, o Instituto Angelicum e eu idealizamos essa Semana do Direito Sem Juridiquês, e convidamos o Professor Carlos Eduardo Xavier para nos ajudar a disseminar e entender melhor o Direito.
Muito obrigada por estar aqui conosco. Conto com você para nos ajudar a compartilhar mais conhecimento com as pessoas.


Alexsandra 

Aluna do 1º período de Direito



Professor Juarez Angelo Lopes 

Pioneiro e único notório especialista em Leitura Dinâmica do Brasil.


"Comecei a assistir os vídeos do Dr. e Professor Carlos Xavier e não parei mais. Já assisti a maioria dos vídeos que consegui baixar. Dá gosto ouvir um intelectual não pedante, com um discurso metódico, mas não chato, que nos incentiva a querer saber mais.Você sente o respeito dele pelo aluno. Uma aula preparada, com uma sequência lógica, que conduz a um entendimento.O vídeo que para mim foi o mais importante foi sobre Zetética e Dogmática.Você, como minha filha, sabe muito bem que eu não sou um intelectual, que eu sou um técnico, que usando esta técnica de questionamento eu busco soluções para meus problemas e para os problemas que me trazem.Não parto de nenhuma premissa. Parto da demanda e tento encontrar uma solução para atendê-laIsto aconteceu quando em 1968 adaptei para a realidade brasileira a técnica da Leitura Dinâmica e a implantei no Brasil.O mesmo aconteceu quando o saudoso Desembargador do Trabalho,Dr. Ricardo Areosa, em 1992 fez nosso curso de Leitura Dinâmica e, ao término do evento, nos solicitou que criasse um curso para ensinar a estudar com o seguinte argumento: como você sabe professor Juarez, possuo um curso preparatório para Juiz do Trabalho. Meus alunos estudam de 10 a 12 horas por dia e, ao final do estudo, têm a sensação de que perderam tempo, de que não aprenderam nada. Eles são dedicados, determinados, interessados, mas não sabem estudar.
Me assustei com o pedido. Não tinha formação nem em pedagogia nem em letras, como criar uma técnica  que ensine a estudar.
A insistência foi tão grande que, sensibilizado pelos argumentos do Grande Magistrado, aceitei o desafio. Isto aconteceu em em 1996, de lá para cá tive alunos altamente capazes, dentre eles um que é considerado pela maioria dos concurseiros como o Rei dos Concursos Públicos, o Juiz Federal, Dr. William Douglas.
Sem nenhuma base científica, apenas baseado em resultados empíricos, cheguei a conclusão que a base do aprendizado é o questionamento, pelo menos para a construção de uma técnica.
Me sinto muito honrado, eu um técnico, de participar deste projeto junto com essas duas sumidades da cultura clássica, Professores Carlos Xavier e William Bottazzini.
Contem comigo."


Fellipe Brant

Estudante para ingresso nos quadros de membros do Ministério Público.

Rafael Klein

Ex-aluno do Prof Carlos e seguidor do canal Direito Sem Juridiquês.




1 mês Sem tempo para fazer o curso agora? Não tem problema.
Você poderá participar desse curso até 1 mês após a matrícula.

Estudantes de Direito, História, Filosofia e qualquer interessado em entender DIREITO SEM JURIDIQUÊS.

Prof. Carlos Eduardo Xavier
""

   

Bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2003). Mestre em Direito das Relações Sociais pela Universidade Federal do Paraná (2015). Sua dissertação de Mestrado, “Reclamação Constitucional e Precedentes Judiciais,” foi publicada como livro pela Thomsom Reuters – Revista dos Tribunais, em 2016, e tem sido referência para trabalhos acadêmicos sobre o tema. Procurador do Estado do Paraná desde 2008, com aprovação e nomeação em seis concursos públicos anteriormente. Professor Universitário na área do Direito desde 2014. Bacharelando em Teologia pela Faculdade Batista do Paraná (FABAPAR).  Responsável pelos canais Teodidatas e Direito Sem Juridiquês no YouTube. Seus vídeos sobre história, filosofia e teoria do Direito são os mais visualizados em seu canal, e têm auxiliado muitas pessoas (desde estudantes no início do curso a alunos de pós-graduação, passando por concurseiros e mesmo qualquer pessoa interessada em alcançar maior conhecimento na área) a compreenderem melhor o Direito, a História e a Filosofia.


Ao final do evento você receberá um certificado de conclusão.

Conteúdo Programático

Baixe o seu e prepare-se para as aulas.
  • 1. Baixe o seu e-book.
  • 1. Aula 01
  • 1. Aula 02
  • 1. Aula 03
Professor Carlos Xavier recebe o apoio do latinista William Bottazzini.
  • 1. Aula 04
Professor Carlos Xavier recebe o apoio do pioneiro e único notório especialista em Leitura Dinâmica do Brasil, Prof. Juarez Ângelo Lopes.
  • 1. Aula 05
  • 1. Um Direito moldado pela História
  • 2. História e Direito moldados pela Filosofia
  • 3. Direito natural ou Direito positivo?
Voltar ao topo